Vida Mil

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Instituto Nina Rosa


Hoje venho falar em defesa dos animais, e fazer merch do INSTITUTO NINA ROSA.
O INR(Instituto Nina Rosa) tem como foco projetos por amor à vida, é uma organização independente, sem fins lucrativos, que atua voluntariamente desde 2000, promovendo conhecimento sobre defesa animal, consumo sem crueldade e vegetarianismo.
O INSTITUTO:
O que nos guia:
O amor e respeito pelos animais e natureza, e a fé de que podemos contribuir para uma sociedade mais justa e pacífica.
Porque atuamos nessa área:
Quanto menos capazes forem os seres de defender seus direitos, maior é o nosso dever de defendê-los.
O que fazemos:
Promovemos a valorização da vida animal por meio da educação humanitária.
Nossa visão:
A natureza é sagrada.
EDUCAÇÃO HUMANITÁRIA:
A educação humanitária inclui valores como compaixão e ética, preparando o ser para uma vida mais integral, pacífica e solidária. Ao mesmo tempo beneficia diretamente os animais, cujos direitos passam a ser conhecidos, com encorajamento do respeito e do sentido de responsabilidade que lhes são devidos.
O afeto que os animais inspiram, quando incentivado, pode despertar no indivíduo sentimentos de amor, zelo e positiva auto-estima.
Entende-se que a inclusão do tema dos animais no currículo escolar estimula o desenvolvimento moral, espiritual e pessoal de cada criança, traz benefícios à comunidade escolar e aumenta as oportunidades de aprendizagem em diferentes áreas do currículo.
A educação de valores é uma das principais ferramentas para reverter a brutal realidade dos animais no planeta. É a forma sensibilizante, amorosa, de contribuir para transformar humanos em seres mais humanos. Deve-se iniciar em tenra idade, por meio do exemplo e depois continuar no ensino formal, inspirando, apoiando e valorizando sentimentos de compaixão, ética e solidariedade.
Bom, então o que eu quis passar nessa postagem, é uma visão ética e humanitária em relação aos animais, porque aliás também somos animais, assim como nós hominídeos temos uma lei de ética entre os próprios, é possível e, é preciso se fazer uma lei ética, em que os homens sejam igualados ao resto do reino animal, até porque os animais não têm como medir forças com o homem, que tem um cérebro(que não é bem usado) mais evoluido, capaz de falar e pensar.
O meu propósito é apenas conscientizar a sociedade, e ao final desse processo podendo obter vegetarianos, ativistas ou apenas o consumo sem crueldade.
Ao decorrer da semana vou explorando mais esse assunto.
E pra quem quiser conhecer melhor o trabalho do INSTITUTO NINA ROSA, é só acessar o site: http://www.institutoninarosa.org.br/

2 comentários: